Diz que sou linda, enquanto não sou.

Espelhos de vidro me encaram e garfalham com escárnio.

Por todos os lados que olho o mesmo sorriso me segue.

São meus, sou eu.

Feita de vidro e frágil.

Trincou. Todos quebraram.

Agora só falta ir embora. Sorrisos tristes me devoram. Espelhos feitos de reflexos.

Do outro lado, o horizonte.

Veja bem, a transparência têm seus benefícios.

Não me encaro mais, agora uma vista linda.

Uma paisagem, um mar de possibilidades.

Comente.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.