Me empresta uma xícara de açúcar? 

Ao som dá torneira pingando eu botei uma música e dancei. Nada tão sério ou agradável. Um balançar de corpo no tempo e espaço e talvez um cabelo que sacode sem vento. De tantos tormentos dentro de mim ao menos um deles devia sair. Não saiu. Fez morada em meu corpo e me transformou num doido que dizia ouvir vozes. Na verdade eram tiques e cada um deles tinha dono, um era do relógio, outro era dá torneira, outro era no galho que batia na minha janela e outro era dela. A louca que mora em frente meu apartamento. 

– Você tem um ovo? – E era assim que todo dia eu lhe dava alimento e ela continuava pedindo. Certo dia a encontrei no corredor, ela bem louquinha me perguntou onde ia. 

– Onde vai? 

– No supermercado comprar ovos pra vo.. pra mim! É pra mim que adoro ovos e vivo comprando sabe? Eu amo ovo em tudo e olha só a hora tenho que ir! – Idiota como sou quase falo que estava comprando ovos pra ela e falei de horas e nem relógio tinha. 

Acho que ela não percebeu, continuou balançando a cabeça e sorrindo. Fui embora antes que confessasse todos meus outros crimes. Depois de um tempo ela começou a pedir arroz, depois feijão, passou pra açúcar, frutas, carne, maionese, batata. Um dia estava tomando banho na minha casa dizendo que haviam cortado sua água. 

– Em que você trabalha? 

– Bom, eu na verdade sou um desenvolvidor de games. Faço os gráficos. Sabe aquele jogo… 

– Legal! – Acho que ela só tá comigo pra me usar. Até hoje vive aqui. Já tem seis anos que estamos juntos e ainda não sei quando ela vai embora. Mas isso está bom. Muito bom. 

Anúncios

2 pensamentos sobre “Me empresta uma xícara de açúcar? 

Comente.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s