Meu céu só tem satélite. 

As pessoas me olham e me pedem coisas. 

– Desejo ser rica! 

– Desejo que Reinaldo me perdoe. 

– Mãe, por favor, não morra… 

Mas eu não sou Deus, tampouco sou estrela. Sou um astronauta preso no espaço, dentro de um satélite apertado, rodeado de nada. E meu desejo, desejo ir pra casa, mas nem pedindo isso todos os dias pras estrelas aqui perto eu consigo o que quero, meu destino é esse. Um astronauta no espaço.                                     – Está na escuta? Tem um asteróide indo em sua direção, estamos fazendo de tudo pra te ajudar. Mas infelizmente… 

Afinal, hoje vou pra casa.