Não existe uma linha tênue. É tudo a mesma coisa.

Te amei quando ninguém quis te amar.
Te mostrei os caminhos que estavam por aí.
Te acolhi, protegi, aconcheguei em meus braços.
Te fiz feliz, quando ninguém o sabia fazer.
Você, que era pequeno.
Cresceu, mostrou sua luz.
Me deixou.
Quando ninguém quis me amar.
Você, que me traiu.
Me fez sofrer como ninguém conseguiu.
Me acabei.
Sequei.
Cheguei ao estado crítico.
Cheguei ao pó.
Me doeu.
Me dói.
Você que criei.
Você que amei.
Só eu posso te destruir.
Odiar.
Mas no meu coração.
No meu ser.
Eu amo.
E quem ama salva.
Sua salvação é a sua destruição.
Você que ainda amo se perdeu.

image

Anúncios

Um pensamento sobre “Não existe uma linha tênue. É tudo a mesma coisa.

Comente.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s