Mascáras

O meu rosto límpido de um anjo
Meu falar suave e manso
Quando ando eu atraio olhares inocentes
Sou a brisa, sou o sorriso
O meu cheiro é tão suave, venha sentir!

Dance comigo pela relva, vamos juntos sonhar
Venha comigo num abraço apertado
Deixe-me te abraçar.

 

O meu calor é tão aconchegante
Sei te fazer sorrir
Minha música inebriante irá de por pra dormir

Sou aquilo que você deseja para si
Mas quando o tem descobre o pior
Qual será o fim?

 

O meu sorriso já te envolve em fantasias
Minhas mãos suaves passam pelo teu corpo
Tua inocência me excita
Me faz querer… Amar!

Deixe-me levar pelo teu perfume
Venha até perto do meu rosto e veja
Veja a mascara cair
Veja o portador da tua morte

 

Imagem

Não sou aquilo que você vê, tampouco sou aquilo que você quer que eu seja!

 

Anúncios

Comente.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s